sexta-feira, 12 de agosto de 2011

12 de Agosto de 2011

Querido diário ,

eu me apaixonei, me apaixonei perdiamente por uma garota. foi a sensação mais estranha, mais ao mesmo tempo mais pura, de todo o sempre.
ela é tudo. e basicamente o "tudo" é tudo, ela é perfeita pra mim, até os defeitos dela são o que a fazem perfeita..


contei para ela.. foi tão, mas tão vergonhoso.. um sentimento de rejeição.. mas foi quando eu percebi que eu tava tendo alguma correspondência. nossa que alívio..
mas fomos com calma. mas tava dificil de evitar a baba que caia pelo meio queixo só de ver aquele rostinho pela manha na escola. eramos da mesma turma, então onde eu olhava ela estava lá... o jogo de olhares pela sala de aula, era uma coisa engraçada. começamos o ano comigo na mesa da frente e ela umas duas atras... eu fazia de tudo para olhar para trás de próposito so para a ver. As vezes era já um habito que olhava mesmo na cara-de-pau. Mas.... ela estava lá sempre olhando pra mim tambem.
e foi assim por uns meses, até virem as discussões. nunca tinha estado numa relação com uma garota, e nunca tinha sequer discutido com alguma nas ciscustâncias que estavamos. e foi aí que eu me apercebi, o quanto é puro o sentimento de duas meninas, quase praticamente mulheres. a sensibilidade de dois corpos, pensamos, sentimos, doi da mesma forma... era tão puro..
diferente da minha ultima relação com um rapaz.
eram muitas as discussões, eram tantas por dia que tinha dias que eu chegava em casa cansada, com dores de cabeça, de tantas emoçoes diárias...
mas... era tão bom quando a gente fazia as pazes... nossa, como era bom.
aí ficava tudo bem. a gente passeava, eu ia na casa dela e ela na minha, sempre como amigas...
as nossas familias nao sabiam. eu era penas uma amihuinha que ia la em casa jantar, ver um filme ou simplesmente estudar. mas era mais que isso... a gente fugindo para o quarto dela, pra nos beijarmos... os beijos roubados enquanto a minha sogrinha virava as costas...
nunca senti tanta adrenalina. nunca senti estar fazendo algo errado e certo ao mesmo tempo.. estava me sentindo viva..
ate discutirmos de novo, e aí... dessa vez ela contou pra mae dela..
foi até... bom no inicio.. foi compreensiva, mas depois parece que as coisas estavam relamente se encaixando na cabeça dela. quando ela me via, ou melhor... eu evitava, mas não dava, eu sentia um olhar diferente, sabia que ela tava me olhando de maneira diferente... nossa. que vontade de enfiar num buraco.
mas depois, voltamos (de novo) e ficou tudo melhor..
e bla bla bla
foi assim por muito tempo: amor , discussão, mas todos os dias eu me apaixonava cada vez mais por ela.
fizemos, 4, 5, 6, 7, 8, 9,.... 1 ano
muita coisa aconteceu pelo meio, tanta que ja nem sei por onde começar..
hoje fico por aqui.. cái num mar tremendo de lembranças, as lágrimas já estão escorrendo pelo meu rosto... amanha eu escrevo mais.

com amor, Lu

5 comentários:

Fer Lima disse...

A história é mto bonita... mas queria saber como termina... Conheço minha esposa há 7 anos... a um mês estamos casadas... e é a melhor coisa do mundo...

Senhorita Helo disse...

Tambem tive uma historia dessas com a menina que foi (e ainda é) o amor da minha vida. Hoje a gnte nao se fala mais e a dor só aumenta a cada dia. Ler isso me fez lembrar dos momentos bons... ai ai...

Ana Rafaela disse...

kkk..eu adorei..Namoro a quase 4 anos e todos os dias me apaixono, apesar de todos os desafios o amor sempre vence..

Lu disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Lu disse...

oi meninas, obrigada pelos comentários... continuem lendo, porque ainda vem muito por aí, essa história ainda não acabou. é sempre bom partilhar um pouquinho da nossa vida. porque a nossa dor porde ser a dor de alguem.


Fer Lima- parabéns que sejam mais anos juntas ainda. felicidades, que um dia seja eu casada com ela, kkk (:

Senhorita Helo- um verdadeiro amor nunca se esquece, né?... |:

Rafaela- é isso mesmo, parabéns... o amor sempre vence. uma relacão de sucesso é aquela em que a gente se apaixona todos os dias na nossa vida. (:

14 de agosto de 2011 04:35